Vamos fazer regressar Infanta D. Maria Bárbara ao seu Palácio de Mafra

AJUDE-NOS

D. Maria Bárbara de Bragança

Campanha pública de angariação de fundos

A Associação dos Amigos do Convento de Mafra (Guardiães do Convento) quer comprar um quadro da Infanta Maria Bárbara de Bragança cujo nascimento foi pretexto para a construção do Palácio. Para tal lançou-se uma campanha pública de angariação de fundos sob o lema “Vamos fazer regressar a Infanta Maria Bárbara ao seu Palácio de Mafra”. 

O quadro está numa leiloeira portuguesa e custas 5.925 €. As doações são públicas (no site da Associação) e os nomes dos dadores exibidos no momento da inauguração do quadro. 

Com efeito, surgiu recentemente no mercado leiloeiro nacional um óleo sobre tela do mestre italiano Jacopo Amiconi, datado da segunda metade do século XVIII, representado Maria Bárbara de Bragança. O Palácio de Mafra está profundamente ligado a esta princesa.

De acordo com a tradição, deve-se a Maria Bárbara de Bragança (mais exatamente ao seu nascimento) a decisão de edificação do Palácio de Mafra, uma vez que seu pai, o magnífico D. João V, terá feito a promessa de construir ali edificar um convento em caso de ser pai.

Independentemente da valorização ou não desta interpretação para o nascimento do que viria a ser o monumental complexo do Real Edifício de Mafra (hoje património universal pela Unesco), a verdade é que a figura da Infanta D. Maria Bárbara (que viria a ser, por casamento, Rainha de Espanha) é, simbolicamente, de primeira importância para o Palácio.

A importância da compra do quadro para o Real Edifício torna-se ainda mais importante tendo e conta que o Palácio só detém atualmente uma pequena pintura de menor qualidade da Infanta ainda jovem. Se o quadro for adquirido, como se deseja, com o seu significativo tamanho de 130x100cm, já tem lugar marcado no Palácio: na Sala D. João V (seu pai) em lugar de honra e numa parede que lhe permite olhar o público que entra.

Cada dador dará o que quiser, muito ou pouco. Será a soma de todas as contribuições a permitir a aquisição do quadro e a juntá-lo ao património do Palácio. A lista dos doadores é publicada no site da Associação (a não ser que o doador se manifeste pelo anonimato) e essa lista impressa estará presente aquando da inauguração pública do quadro do Palácio Nacional de Mafra.

Faça a sua doação na conta bancária da Associação dos Amigos do Convento de Mafra – Guardiães do Convento, IBAN PT50520052000001327800192. 

A seguir envie-nos o comprovativo da doação para o email guardiaes.palacio.mafra@gmail.com, referindo o seu nome e, no caso de querer a anonimato, assinalando esse desejo.

Vamos fazer regressar D. Maria Bárbara de Bragança ao seu Palácio de Mafra!

Guardiães do Convento

Associação dos Amigos do Convento de Mafra

A Associação tem como fins a promoção de actividades culturais e outras no domínio de todas as artes, congregar os esforços e potenciar as acções dos seus associados ou não associados em prol do estudo, preservação e divulgação do património edificado, artístico, histórico e cultural do Real Edifício de Mafra concebido este como o conjunto da Basílica, Palácio, Convento, Jardim do Cerco e Tapada e dos respectivos equipamentos e bens históricos com os seus valores sociais, culturais e artísticos.

A Associação tem como fins a promoção de actividades culturais e outras no domínio de todas as artes, congregar os esforços e potenciar as acções dos seus associados ou não associados em prol do estudo, preservação e divulgação do património edificado, artístico, histórico e cultural do Real Edifício de Mafra concebido este como o conjunto da Basílica, Palácio, Convento, Jardim do Cerco e Tapada e dos respectivos equipamentos e bens históricos com os seus valores sociais, culturais e artísticos.